Como identificar o momento certo pra vender um veículo da frota?

Como identificar o momento certo pra vender um veículo da frota?

Se você é responsável pela gestão de uma frota automotiva, e ainda não precisou lidar com a necessidade de substituir um veículo da frota, pode ter certeza que esse momento certamente virá. Ativos são vendidos por diversos motivos que podem ser aparentes como o desgaste sofrido por uma carcaça, ou mais sutis como um consumo crescente de combustível que justifica o investimento em uma opção mais econômica.

É preciso, portanto, prestar atenção aos principais indicadores que apontam para a necessidade de renovação da frota. Vamos listar aqui alguns dos principais gatilhos que devem chamar a sua atenção para a necessidade de atualizar a sua frota.

1. Economia de combustível

Para entender a curva de consumo dos seus veículos é muito importante que exista um alinhamento e unificação nos registros, como por exemplo através de uma plataforma que não só concentre todos os dados de abastecimento, mas que também permita identificar a curva de custo por tempo desses abastecimentos por ativo.

É normal que um automóvel com mais tempo de uso apresente uma redução na sua autonomia, o que é preciso observar é se no tempo (e esse tempo depende do tipo de função que o veículo executa) o custo extra gerado por essa perda de autonomia é competitivo com a diferença de preço para um modelo mais novo e mais econômico.


2. Padronização

A padronização pode ser um fator importante a ser levado em conta, ela implica uma maior facilidade na realização de manutenções, por simplificar o processo de obtenção de peças e concentrar em uma única marca as prestações de serviço, o que inclusive pode ajudar na negociação de condições mais amigáveis de pagamento.

Outra vantagem da padronização está na facilidade em comparar a performance dos condutores, evitando que possa ser usada como justificativa a hipótese de que um determinado veículo é mais performático que outro.

3. Custo crescente com manutenções

É sempre muito importante prestar atenção na forma como as manutenções tem consumido o tempo de rodagem da sua frota e o capital da sua empresa. Quando pensamos na substituição dos veículos é interessante analisar se o valor que é gasto com os serviços de manutenção em um ano é superior a 10% a 20% do custo de venda desse ativo, caso a resposta seja sim faz sentido considerar a venda do veículo.

4. Ociosidade

Uma frota ociosa significa um capital imobilizado que não gera retorno, esse é um cenário excelente para praticar economias, entre as economias é possível pensar na redução ou readequação da frota, talvez um certo veículo esteja ocioso pois o perfil de uso da frota mudou e ele não se encaixa mais tão bem, ou mesmo porque ações de melhoria de processo surtiram efeito e hoje a frota exige menos ativos para operar.

Seja qual for a hipótese é sempre interessante se questionar se a quantidade de automóveis disponibilizados realmente é condizente com a demanda atendida pela frota.

Esses são apenas os pontos que entendemos como sendo os principais, porém não precisa se limitar a eles, cada empresa tem a sua realidade individual e deve interpretá-la e tomar as medidas necessárias para tal. Nossa sugestão é que essas medidas sejam sempre apoiadas em dados seguros e devidamente interpretados, para isso é fundamental o uso da solução correta de gestão de frotas, o uso de um software completo lhe dará a segurança necessária para escolher pela mudança ou não de um ativo ou de um grupo de ativos da sua frota.

A Infleet desenvolve soluções de software para a gestão de frotas com tecnologia de ponta, se você deseja conhecer um pouco mais sobre como podemos transformar a sua gestão então deixa a nossa equipe comercial saber um pouco mais a respeito dos desafios seus e da sua empresa, você pode já iniciar um teste gratuito do nosso produto e comprovar a economia e o aumento de produtividade na sua gestão.

Monitore a sua frota e otimize seus custosInfleet | Tecnologia de ponta para gestão de frotas