5 melhores práticas para uma gestão de combustível eficiente

5 melhores práticas para uma gestão de combustível eficiente

A gestão de combustível, seja ela relacionada a caminhões ou a qualquer outro meio de transporte, é um desafio para quem deseja controlar e monitorar o consumo deste item, sendo o aumento anunciado nos últimos dias o principal fator de grande preocupação.

O combustível é, em média, a segunda maior despesa da frota ano após ano, uma vez que consome 60% de todo orçamento operacional de uma empresa, tornando o rastreamento e o gerenciamento do consumo de combustível uma tarefa obrigatória para os gestores de frotas.

Quer entender melhor como e porque você deve fazer uma gestão de combustível para agir estrategicamente e traçar oportunidades para economizar?

Então continue a leitura desse post e confira!

Porque a gestão de combustível é importante para a gestão da frota?

Cada frota tem um perfil de despesas único. No entanto, o combustível está, sem exceção, quase no topo da maioria dos relatórios do setor financeiro das empresas, ou seja, reduzir os custos de combustível é a principal prioridade do gestor de frota.

A importância da gestão eficaz do abastecimento é o monitoramento do combustível. Por isso, existem formas de monitoramento de combustível que são desenvolvidos para atender às necessidades de diferentes tipos de veículos.

O monitoramento de combustível podem ser:

  • Via cartão de abastecimento;
  • Posto de abastecimento próprio;
  • Através de combustível móvel (onde caminhões de abastecimento vão até as frotas);
  • Utilizando sistemas de gestão de combustível.

Como não podemos prever quando haverá um novo aumento nas bombas de combustível porque o cenário econômico está instável e os preços estão em constante mudança, o ideal - e recomendável - é entender, primeiramente, que sua empresa sempre terá custos mínimos operacionais e que eles já fazem parte da composição de gastos.

O segundo ponto, e talvez o mais importante, é perceber que, embora existam essas oscilações de preços dos combustíveis, existem fatores determinantes para o aumento de consumo do abastecimento que estão sob o controle da empresa.

E para entender melhor sobre isso, é imprescindível saber os benefícios do controle de combustível para a frota.

Benefícios do controle de combustível

Se nesse momento a redução dos custos de combustível é a principal prioridade da sua frota,

  • Rastrear de custos por quilometragem (km);
  • Impedir furto/roubo de combustível;
  • Evitar a adulteração do Hodômetro;
  • Conter o consumo incorreto de combustível;
  • Manter os registros de abastecimento com facilidade.

Investir em treinamento é outra opção para manter os motoristas seguros e produtivos. Essa atitude, além de trazer uma série de benefícios para esses colaboradores, evita o desperdício de combustível, pois promove a mudança de comportamento.

Como fazer uma eficiente gestão de combustível? Conheça as 5 melhores práticas!

1. Atualize a frota para modelos de veículos com baixo consumo de combustível

Se você já considera a atualização dos veículos da sua frota, principalmente pelo desgaste e depreciação veicular, o momento é agora!

Novos modelos, especialmente aqueles híbridos ou projetados para eficiência de combustível, têm um consumo por litro de combustível com uma autonomia muito maior do que seus modelos mais antigos.

Não se preocupe se ainda não é hora de atualizar sua frota. Continue seguindo os ciclos normais de substituição dos seus veículos e fique atento às manutenções.

2. Programe a manutenção dos veículos

Se você está empenhado em economizar dinheiro com combustível, não deixe de fazer a manutenção regular dos veículos da frota.

Na verdade, é recomendado programar a manutenção proativa para garantir que sua frota esteja sempre com uma ótima performance.

Algo tão simples, como o desalinhamento das rodas, pode reduzir a eficiência de um veículo, o que significa que ele exigirá mais combustível para funcionar bem.

Os ajustes simples, feitos regularmente, ajudarão a minimizar os custos com manutenção e abastecimento.

LEIA MAIS: Por que ter um plano de manutenção é importante? Saiba como criar um plano eficaz.

3. Avalie os dispositivos aerodinâmicos

Para tornar sua frota de veículos pesados ​​a mais econômica possível, avalie regularmente todos os dispositivos aerodinâmicos.

Minimize, por exemplo, qualquer brecha entre o cavalo e a carroceria e monitore a pressão dos pneus de forma periódica e consistente.

Dica bônus: Quer ir além? Considere as saias laterais: painéis que cobrem o comprimento do caminhão e servem para fechar qualquer espaço aberto entre os pneus.

4. Mapeie rotas eficientes

Rotas eficientes melhoram a quilometragem e a produtividade da frota.

Ao combinar viagens com rotas semelhantes, você pode eliminar paradas desnecessárias.

Rotas eficientes também podem ajudar o seu motorista a evitar engarrafamentos e, é claro, melhorar a eficiência do combustível.

5. Integre os dados do combustível com a gestão da frota

O cálculo incorreto do uso de combustível pode causar problemas quando se trata de orçamento e gerenciamento de recursos.

Se você superestimar seus gastos com combustível, perderá a oportunidade de realizar investimentos que poderiam fazer a diferença na performance da frota.

Além disso, terá que destinar um percentual do seu orçamento para os gastos com combustível muito maior do que o planejado.

Ao rastrear a quilometragem do veículo, os gestores de frota são capazes de avaliar o uso de combustível, verificando onde o consumo excessivo pode estar ocorrendo, e assim tomar decisões de negócios com base nesses dados.

E para quem ainda realiza essas coletas manuais de dados do combustível da frota, enfrenta um desafio maior.

Um problema com esse método é que ele consome muito tempo e geralmente é acompanhado de planilhas. O segundo problema: erro humano. Isso geralmente ocorre quando o motorista também precisa informar alguns dados manualmente e informar ao gestor da frota, através de recibos de abastecimentos ou anotações,

É mais complicado entender se os números condizem com a realidade porque pode ocorrer de o motorista perder algum recibo ou anotar números incorretamente.

Dessa maneira, os gestores de frota acabam cometendo erros ao processar os números.

Nesse momento, a parte estratégica da empresa precisa avaliar quanto ao investimento de um sistema integrado para gestão de frotas.

As métricas de uso de combustível são essenciais para a economia e, ao usar um sistema como esse, você elimina as formas ineficientes de coletas de dados para agilizar todo o processo.

Gostou das nossas dicas sobre gestão de combustível? Então leia agora o nosso post sobre as vantagens e desvantagens de se ter um posto de combustível próprio e fique atento a mais um dos nossos conteúdos incríveis.

Monitore a sua frota e otimize seus custosInfleet | Tecnologia de ponta para gestão de frotas