Manutenção e despesas da frota: 8 métricas que todo gestor deve acompanhar

Manutenção e despesas da frota: 8 métricas que todo gestor deve acompanhar

A rotina com muita pressão para fazer as escolhas certas permeia a vida do gestor de frota. No entanto, uma maneira de tomar melhores decisões e mais objetivas é acompanhar as métricas de sua frota. Ter um sistema que integre todas as métricas da frota oferece uma visão abrangente dos motoristas, veículos e ativos, garantindo o sucesso da gestão.

O como você aproveita esses dados, em última análise, é o que determina o sucesso de sua frota, mas determinar quais dados acompanhar de perto pode ser um desafio porque há uma infinidade e algo que deveria ser simples pode se tornar uma tarefa complexa e sem resultado.

Para te ajudar a priorizar esses indicadores, elencamos oito métricas de manutenção e despesa da frota mais importantes que você deve acompanhar.

Boa leitura!

1. Quilômetros percorridos

Um cronograma de manutenção preventiva pode te ajudar no rastreio e análise da saúde de sua frota. Algo que vale a pena fazer, pois um veículo bem conservado gasta menos combustível e diminui a frequência de quebras.

Como todas as coisas na vida, uma boa organização é a chave para obter o máximo de benefícios da manutenção preventiva. O registro de quilômetros percorridos auxilia no planejamento e verificação dos prazos de manutenção.

Utilize um sistema integrado de gestão de frota para ajudar na coleta automática de dados da viagem e configure alertas para que você e sua equipe concluam as verificações de manutenção dentro do prazo.

2. Resultados da verificação dos relatórios

A verificação de seus relatórios de inspeção diária te ajudará a manter sua frota em conformidade e detectar problemas com antecedência, antes que eles se transformem em problemas maiores e mais caros.

A análise coletiva de dados também oferece uma visão geral de seus ativos, o que facilita a identificação de problemas comuns em toda a sua frota.

Se atentar para esses padrões pode ajudar no planejamento e na implementação de medidas rápidas de manutenção preventiva.

3. Custos de combustível

De acordo com a Revista Exame, o preço do barril de petróleo do tipo Brent (referência usada pela Petrobras) chegou a subir mais de 40% em um mês e superar o patamar de US$ 130/barril no mercado internacional, principalmente depois da declarada guerra da Rússia contra a Ucrânia.

Por isso, acompanhar o consumo de combustível e monitorar as despesas de custo por quilômetro pode fornecer informações valiosas sobre o desempenho de seus veículos, bem como o desempenho dos próprios motoristas.

Com esses dados, você também poderá fazer ajustes ou fornecer treinamento para ajudar a reduzir o consumo de combustível em toda a sua frota.

Para obter informações adicionais sobre os hábitos de sua equipe, acompanhe as estatísticas de combustível com um sistema de gestão de frota eficiente, que pode alertá-lo sobre problemas como direção agressiva ou condutores usando veículos para uso pessoal.

O sistema também coleta dados automaticamente, o que significa que você e seus motoristas não precisam se preocupar com a entrada manual de dados ou com inúmeros papéis.

4. Tempos de reparo

Os custos com tempo de inatividade podem aumentar rapidamente. Fique de olho em quanto tempo os ativos passam com o mecânico rastreando os tempos de reparo - sejam eles feitos internamente ou por meio de terceiros.

O sistema de gestão de frota pode ajudá-lo a manter um controle rígido de coisas como datas de conclusão e notificações da equipe de manutenção. Se os reparos estiverem sendo feitos internamente, você também poderá usar esses dados para medir a produtividade de sua equipe de reparos e fornecer treinamento e feedback se o progresso ficar abaixo do esperado.

5. Leituras do hodômetro

Os hodômetros da sua frota contêm muitos dados úteis. A maioria das tarefas da manutenção preventiva é baseada na quilometragem por hora, portanto, coletar as estatísticas de cada veículo pode ajudá-lo a permanecer no caminho certo com verificações de manutenção oportunas.

Você também pode usar esses dados para monitorar o desempenho de seus motoristas e garantir que eles estejam seguindo as rotas pré definidas.

Para obter os melhores resultados, certifique-se de agendar atualizações regulares do hodômetro. Automatize essa coleta de dados por meio do sistema de gestão de frota em vez de coletá-los manualmente, isso reduz a chance de erro e consome muito menos tempo.

6. Uso de ativos

É importante aproveitar ao máximo os ativos que possui. A coleta de informações sobre o uso do seu veículo (quilômetros percorridos por dia) pode ajudá-lo a otimizar o desempenho de sua frota e se atualizar com itens como os cronogramas de manutenção.

Você pode descobrir ativos subutilizados que seria melhor serem vendidos ou que sua frota atual está lutando para atender às atuais demandas, o que pode resultar em atrasos ou tempo de inatividade. Nesse caso, você deve procurar expandir sua frota.

7. Rotatividade do veículo

Nenhum gestor espera substituir ativos em um curto prazo. No entanto, embora seja caro comprar um veículo novo, os custos cumulativos de administrar uma frota antiga logo aumentam quando você considera coisas como reparos e tempo de inatividade.

Manter os ativos operando por mais tempo do que deveriam faz com que os custos aumentem. Isso também significa que você corre o risco de usar veículos que não estão em conformidade com os regulamentos atuais de segurança e emissões.

O sistema de gestão de frota pode ajudá-lo a manter o cronograma de substituição de veículos e encontrar o momento certo para substituir os veículos. Saiba quais veículos estão em operação, quais têm alguns anos restantes e aqueles que em breve precisarão ser substituídos.

8. Níveis de inventário

O rastreamento de seu inventário pode evitar eventos de falta de estoque que podem gerar grandes custos quando considerar o tempo de inatividade e as peças de reposição.

Acompanhe os níveis de estoque em um banco de dados online. Conhecer seus níveis de estoque atuais te ajuda a planejar com antecedência. Se um veículo precisa de reparos, você tem tudo o que precisa para colocá-lo na estrada rapidamente.

Compreender o custo real da operação de sua frota permite que você tome com confiança decisões baseadas em dados sobre seus negócios. Se você deseja otimizar as operações de sua frota tendo sempre os dados necessários para tomar decisões importantes, clique no banner abaixo, fale com um de nossos especialistas e solicite o teste grátis hoje mesmo.

Monitore a sua frota e otimize seus custosInfleet | Tecnologia de ponta para gestão de frotas