Comuns, híbridos e elétricos: qual veículo adquirir para frota?

Comuns, híbridos e elétricos: qual veículo adquirir para frota?

Escolher o tipo de carro para frota é uma tarefa que precisa ser bastante planejada e servir de acordo com os seus objetivos. Visto que os resultados devem também ser pensados a médio e a longo prazo.

Depois de definir seus objetivos, é fundamental pesquisar quais as opções de carro vão apresentar o melhor custo-benefício para a frota. Vale a pena investir um tempo maior em pesquisas como a escolha da categoria, marca, modelo e todos os requisitos antes de comprar o veículo.

Até porque são tantas opções no mercado que se torna difícil escolher qual a melhor opção para sua frota. Por isso, separamos algumas opções que podem te auxiliar na hora de adquirir o veículo para sua frota.

Carro Comum x Elétrico x Híbrido

A principal diferença entre os tipos de carro está no motor.

O carro comum tem o motor tradicional que funciona a gasolina, álcool ou a diesel. Já o carro elétrico é movido totalmente a energia elétrica. Enquanto o motor híbrido funciona tanto com eletricidade como combustível.

Na verdade, o motor híbrido usa o motor de energia elétrica para potencializar a performance do veículo e contribui com o meio ambiente já que tem uma menor emissão de gases CO2, ao contrário dos outros modelos. Sendo, entre os três, aquele que apresenta o melhor custo-benefício.

Para fazer a recarga, o motor elétrico precisa fazer paradas, ao contrário do motor híbrido que tem a manutenção semelhante aos carros comuns. Aliás, a manutenção é até mais simples por terem menos componentes do que os carros comuns já que menos item de fabricação também reflete num menor preço.

Por que as frotas estão adotando carros elétricos?

O fator principal é a redução de custo.

Isso porque o uso de carros elétricos na frota é levado em consideração: a diminuição dos gastos com combustíveis, menor custo de manutenção e redução do impacto ambiental. Além de ter uma maior economia financeira para a empresa, os carros elétricos contribuem também para a melhoria no meio ambiente.

A empresa se torna sustentável e pode usufruir de alguns benefícios para a sustentabilidade. Por isso, algumas frotas estão realizando a troca dos seus veículos.

Por que ser uma frota sustentável pode auxiliar nessa questão?

Uma frota sustentável já tem a adoção de veículos que contribuem com a redução de carbono e diminuem os impactos ambientais. Assim, ela deve ter carros elétricos ou híbridos na sua frota.

Visando o melhor custo-benefício, uma frota ecologicamente sustentável tem vários outros procedimentos que contribuem com a redução de custo. Além disso, há várias políticas de incentivos para as empresas que adotam essa prática e a frota vai ter vantagens em relação às demais.

Ao se tornar uma frota sustentável, a empresa contribui para os dias atuais assim como o futuro da próxima geração. Então, é uma mudança que beneficiará a todos em curto prazo, mas também a longo prazo.

Como escolher o modelo ideal para sua empresa

Agora que você sabe a diferença entre os carros, fique atento a algumas questões.

1. Faça uma análise de custo-benefício

Se for preciso, elabore um checklist com todos os itens necessários para a manutenção do veículo, o consumo de combustível, valores de IPVA e seguro, além da sua equipe de motoristas, que é o principal fator humano a ser avaliado.

De acordo com esses itens e a utilização dos veículos, a empresa pode adequar cada tipo de veículo com as necessidades e tipo de uso. Por exemplo, transportes de cargas pesadas ou deslocamento executivo em viagens. Tudo vai depender da demanda e do objetivo da empresa para ter o retorno esperado dentro da sua realidade.

2. Adeque seu veículo de acordo com os serviços

A partir daí, você precisa ter os veículos adequados para a carga da sua frota. Aliás, tem empresas que trabalham com diferentes cargas e, por isso, podem ter veículos diferentes de modo que atendam às suas necessidades. Assim, o custo-benefício se torna ainda mais eficiente.

Fique atento também com o tipo de carga, o trajeto percorrido, os serviços prestados. Tudo para que você tenha um melhor planejamento e um melhor uso da sua frota.

3. Não esqueça do trajeto

Ao saber o trajeto, você pode ter um melhor desempenho e economia para cada veículo. Afinal, áreas urbanas são diferentes das áreas rurais por oferecerem condições diferentes.

Então, fique atento ao destino que cada veículo vai percorrer para que ele possa ter o melhor desempenho como também escute os seus motoristas e avalie as particularidades dos trajetos.

Conclusão

Além dos benefícios citados, é fundamental que os valores da frota estejam de acordo com o veículo que será utilizado. O fator decisivo será o objetivo da sua empresa a médio e a longo prazo para decidir qual veículo adquirir na sua frota.

Para acompanhar as principais novidades do mercado, assine a nossa Newsletter e fique por dentro.

Monitore a sua frota e otimize seus custosInfleet | Tecnologia de ponta para gestão de frotas