Dicas para evitar roubos e incidentes com a sua frota

Dicas para evitar roubos e incidentes com a sua frota

O tempo para reduzir custos é sempre, porém, quando enfrentamos crises a atenção aos gastos evitáveis precisa ser ainda mais acentuada. Quem já viveu a dor de cabeça de um veículo furtado ou de um incidente causado por falha de um condutor da sua própria organização, sabe o custo humano e material que esses infortúnios podem causar.

Reunimos aqui algumas dicas para lhe ajudar a previnir questões como roubos ou acidentes causados por imperícia dos condutores.

1. Capacite sua equipe

Ao longo do nosso blog esse é um tema que volta e meia retornamos. E o motivo é: equipes bem orientadas são mais fáceis de gerir. Ações como: diálogos diários/semanais de segurança, reuniões de boas práticas, rodas de conversa aberta, são momentos importantes para informar os colaboradores de atitudes que devem ser tomadas e evitadas, ajudando assim na formação da cultura empresarial adotada.

Nessas conversas é importante destacar os cuidados que devem ser tomados com excessos de velocidade, com paradas em locais de baixo movimento e com atividades suspeitas ao longo da via. Veja mais no nosso post: Torne o Motorista seu Aliado

2. Opte por rotas nas melhores condições

Se for possível escolher sempre operar durante o dia e evite dias de chuva torrencial. A retirada dos seus equipamentos e equipes de condições não ideais pode ser um dos principais fatores de prevenção adotados. Infelizmente, ainda há um problema de segurança muito grande nas estradas do Brasil, e a circulação à noite pode ajudar a expor ainda mais seus ativos ao risco de roubos.

3. Planeje as rotas e atividades previamente

Pode não parecer tão relevante, mas o planejamento prévio das rotas é um outro fator de grande importância preventiva. Se possível planeje os horários de chegada e saída de cada cliente. Além das pausas para almoço e descanso. Dessa forma você poderá determinar os locais ideais para realização dessas atividades, evitando assim regiões desconhecidas que possam representar um perigo ao seu motorista e carga. Veja como planejar as melhores rotas no nosso post: 5 dicas para criar as melhores rotas de entrega

4. Tenha a telemetria como uma parceira

Há alguns anos que operação de frotas e tecnologia passaram a andar juntas. O rastreamento dos ativos é uma realidade de diversas empresas do Brasil. A telemetria é uma outra ferramenta de extrema importância nesse contexto de gestão. É possível identificar comportamentos perigosos por conta dos motoristas, como: frenagens e acelerações bruscas, além de curvas fechadas em alta velocidade. Esse tipo de controle pode ajudar a antecipar comportamentos perigosos e educar os colaboradores com base em dados reais. Veja como a telemetria pode ajudar sua operação aqui!

5. Incentive boas atitudes

A busca por colaboradores culturalmente alinhados à filosofia da empresa pode ser árdua, além dos pontos de atenção levantados anteriormente, uma outra estratégia importante para formar bons profissionais consiste no reforço positivo de boas atitudes. Aqueles funcionários que dirigem obedecendo as regras da empresa, que respeitam as rotas pré-estabelecidas e não expõem os ativos da empresa a risco devem ser reconhecidos, pois assim estará sendo passada um forte mensagem a todos de que os comportamentos estão sendo observados.

Seguindo essas dicas nós acreditamos que sua operação será mais segura, resultando entre outros fatores em um custo menor no fechamento do mês. Nossa equipe deseja saber como nossas tecnologias tem lhe ajudado, ficaremos felizes em saber histórias de uso dos nossos produtos. E, sintam-se sempre à vontade para nos enviar sugestões e melhorias!